drogas-11

Proposta criação do Programa Educacional de Resistência às Drogas

Está em tramitação na Câmara Municipal projeto de lei do vereador Dr. Wolmir Aguiar (PSC) que cria o Programa Educacional de Resistência às Drogas nas escolas municipais (Proerd) (005.00256.2017). “O Proerd tem como foco principal a abordagem de temas sobre a valorização da vida e a tomada de decisões ao não uso de drogas”, informou o parlamentar, justificando que “como muitos programas não resistem ao próximo governo, sugerimos transformá-lo em lei, para garantir a sua continuidade, expansão e viabilidade nas comunidades de Curitiba”.

O documento altera a lei 11.100, que Cria o Conselho Municipal de Políticas Sobre Drogas de Curitiba (Comped), acrescentando novo parágrafo ao artigo 2º. De acordo com a proposta, o Proerd integrará os órgãos municipais que compõem o Comped através de convênio com a Polícia Militar do Paraná e outras entidades. Além disso, o projeto sugere, no artigo 4º, que a Câmara Municipal de Curitiba seja incluída como membro do Comped.

“A implantação deste programa nas escolas tem diminuído problemas referentes às drogas, violência e falta de disciplina. Os estudantes que participam do Proerd constroem conceitos sobre cidadania, cultura da paz, resolução de conflitos, entre outros”, explicou Dr. Wolmir. O programa, que tem duração de 10 semanas consecutivas, é desenvolvido em parceria com o educador social do Proerd, a escola e a família. “Ao final do curso, o estudante participa de uma formatura pública e perante a comunidade local ele recebe um certificado e estabelece o compromisso de sempre ficar longe das drogas e da violência”, concluiu.

Proerd

O Proerd é baseado no programa Drug Abuse Resistance Education (Dare), criado nos Estados Unidos, em 1983. Atualmente, o Dare/Proerd é desenvolvido em 58 países e formou aproximadamente 50 milhões de crianças nos cinco continentes.

No Paraná, foi implantado pela Polícia Militar em 2000 e já formou cerca de 1,14 milhão de estudantes nas redes de ensino público e particular, na prevenção às drogas e ações geradoras de violência. Atende 167 municípios no Estado, por meio de convênio firmado entre a Secretaria de Estado da Segurança Pública e as prefeituras municipais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *